Mercado

O mercado de lojas de conveniência completou há pouco 20 anos e não pára de crescer, com taxas de cerca 15% ao ano. Ao todo, são mais de 5.000 lojas de conveniência no país e esse número deve aumentar ainda mais com a tendência de expansão do mercado de conveniência no Brasil. Atualmente, este segmento gera 123 mil empregos diretos e indiretos e recolhe R$ 197 milhões em impostos.

O negócio loja de conveniência está tão atrativo hoje, que já recebe investimentos de grandes empresas como Americanas, Pão de Açúcar e Carrefour.

A maior parte das lojas de conveniência atua no modelo de franquia das distribuidoras, porém o mercado comporta as lojas independentes. Além das franquias de lojas de conveniência oferecidas pelas distribuidoras ligadas ao Sindicom, existem também opções de lojas independentes com marcas organizadas por sindicatos filiados à Fecombustíveis. Com investimentos menores e ausência de royalties, as marcas oferecidas pelos sindicatos podem ser uma boa opção para o empresário que deseja ter uma loja de conveniência, mas não quer fazer elevados investimentos.